Novos “Guidelines” e Revisões no Tratamento do Diabetes Mellitus tipo 2 e suas Complicações Microvasculares

02/05/2012 19:05

 

O mês de abril de 2012 está sendo um mês de importantes publicações para o tratamento do paciente com Diabetes Mellitus tipo 2. Dois artigos publicados neste mês merecem ser comentados.

O primeiro artigo foi publicado no dia 05 de Abril no New England Journal of Medicine (NEJM 2012;366[14]:1319-1327).  Como o próprio título já diz (Glycemc Management of Type 2 Diabetes Mellitus), o artigo se trata de uma excelente revisão sobre a abordagem do paciente com DM tipo 2.  O aspecto mais interessante do artigo é que ele apresenta um caso clínico de um paciente diabético já em uso de metformina e glipizida e com controle glicêmico insatisfatório. Desta forma, grande parte da discussão do autor envolve a questão sobre qual seria a abordagem mais adequada para este paciente, principalmente levando-se em conta os novos medicamentos do mercado. Embora este artigo ainda não esteja disponível para download de graça, é um artigo que merece ser buscado e avaliado.

Vale a pena ressaltar que duas semanas antes (dia 25 de Março), no mesmo NEJM (NEJM 2012;366[13]:1227-1239) foi publicada um outra revisão sobre DM, mas especificamente sobre a Retinopatia Diabética. O artigo de revisão Diabetic Retinopathy, publicado na seção Mechanisms of Disease, apresenta os recentes avanços na compreensão de uma das principais complicações do DM. Assim como o artigo comentado acima, vale a pena dar uma olhada. Segue, abaixo, o link para o NEJM:

www.nejm.org

Ainda no mês de abril, talvez o artigo mais importante de todos. Depois do controverso algoritmo publicado em 2009, novamente é publicado um Position Statment conjunto pela American Diabetes Association (ADA) e pela European Association for the Study of Diabetes (EASD). Este novo consenso, assinado novamente por grandes nomes do Diabetes Mundial, como John Buse, Ele Ferranini, Michael Nauck e David Matthews, entre outros, apresenta uma abordagem para o diabetes focada no paciente. O próprio nome “Management of hyperglycaemia in type 2 diabetes: a patient-centered approach. Position statement of the American Diabetes Association (ADA) and the European Association for the Study of Diabetes (EASD)”. Diferente do ultimo algoritmo, os autores agora apontam diversas opções como segunda linha para o paciente com DM tipo 2, logicamente após a falha do tratamento com metformina. Como um dos pontos chave do artigo, os autores apontam que o “os alvos glicêmicos e os medicamentos hipoglicemiantes devem ter uso individualizado para cada paciente”.

O artigo pode ser encontrado tanto no site da Diabetologia como da Diabetes Care, sem custo. Seguem os links abaixo:

http://www.diabetologia-journal.org/files/Inzucchi_et_al.pdf

http://care.diabetesjournals.org/content/early/2012/04/17/dc12-0413.full.pdf+html

 

Dr. Rodrigo O. Moreira

Médico Colaborador do Instituto Estadual de Diabetes e Endocrinologia

Site da SBD Ter, 24 de abril de 2012